Pesquisar

Login

Registre-se ou faça o login para receber nossos informativos.



Corpo fechado
Avaliação do Usuário: / 28
PiorMelhor 
Artigos on line - Artigos
Escrito por Victor Rebelo   

Anos atrás, passei por algumas dificuldades, tanto ná área financeira quanto no campo afetivo. Certa noite, já de madrugada, despertei projetado fora do corpo físico, no corredor da casa onde morava, que liga a sala com a cozinha. Antes que pudesse pensar em fazer qualquer coisa, algo me chamou a atenção no fundo do corredor. Era uma forma monstruosa, parecida com aquele fantasma verde do filme Ghostbusters – Os caça-fantasmas. Ela veio voando na minha direção e me atravessou. Olhei para trás e vi outro monstro, parecido com o primeiro, que também voou na minha direção, atravessando-me.

Pensei, então: “Meu Deus, são espíritos obsessores! Estou sendo assediado”.

Sem conseguir me concentrar para rezar o Pai-nosso, entoei uma das preces cantadas do Exu Sr. Tranca-Ruas. Assim que comecei a evocá-lo, um espírito de estatura mediana, vestindo uma camisa preta, lenço vermelho na cabeça e segurando uma espécie de cajado em uma das mãos, atravessou a porta que sai do terraço para a sala de estar.

Entrou e, antes que me dissesse qualquer coisa, fui logo pedindo socorro. Disse que estava sendo assediado por espíritos obsessores monstruosos. Ele, então, com muita serenidade e confiança, me respondeu:

– Não são espíritos obsessores. São formas-pensamento. São criações emanadas da sua mente. Todos os seus medos e insegurança estão gerando essas formas que estão te assustando.

– E o que posso fazer para acabar com elas? – perguntei ansiosamente.

– Autoconfiança! Se você confiar mais em si mesmo, em seus potenciais, bastará dizer “sumam!” e elas desaparecerão para sempre. Quer ver?

Neste momento, ele ergueu seu cajado e bateu com força, mas sem violência, no chão, e imediatamente aquelas formas-pensamento desapareceram.

Então, ele tocou no meu chakra frontal e me disse para voltar ao corpo, para que pudesse me lembrar integralmente desta experiência. Imediatamente me senti puxado de volta para o corpo e despertei.

Realmente, quantos de nós somos responsáveis pelas dificuldades por quais passamos! Quantas vezes, devido a nossa imprudência, atraímos situações que nos causam sofrimento e que poderíamos evitar se vivêssemos com maior lucidez espiritual. Quantas vezes geramos pensamentos de medo, acreditando que somos incapazes de superar determinada situação, nos sentindo cada vez mais fracos; isso quando não acreditamos que alguém fez magia negra contra nós ou que estamos sendo obsediados. Na maioria das vezes, nós mesmos é que somos os culpados.

Existem diversas técnicas de autoproteção bioenergética e rituais de “fechamento de corpo”. São válidos. Mas, acima de tudo, tenha fé! E com paz e amor no coração, seu corpo estará “fechado”!

 

Faça uma visita!

Caminho Espiritual 42

Carrinho

VirtueMart
O seu Carrinho de compras encontra-se vazio no momento.

Para ouvir